Colesterol: o que é, tipos e prevenção

colesterol, Colesterol: o que é, tipos e prevenção, Abreu Cardiologia
Colesterol: tipos, sintomas e prevenção

O colesterol é de extrema importância ao nosso organismo. Sim, muitas pessoas veem o colesterol como um grande vilão a ser evitado a qualquer custo, enquanto, na verdade, ele desempenha um papel essencial no funcionamento das células.

Ele é um tipo de gordura que faz parte de células vitais do organismo, como coração, cérebro, fígado, intestino, músculos, nervos e pele. Assim, o corpo utiliza o colesterol como fonte para a produção de alguns hormônios essenciais. São exemplos a testosterona, estrógeno, cortisol e vitamina D, além de ácidos biliares que auxiliam na digestão de gorduras.

Surpreendentemente, o colesterol em si não representa risco à saúde. Portanto, o grande problema está no desequilíbrio dos níveis presentes no organismo, já que, por se tratar de um tipo de gordura, o mesmo não se dissolve no sangue e se acumula nas paredes das artérias.

Quais são os tipos de colesterol?

A fim de compreender melhor todo o contexto da doença, conheça os dois tipos principais de colesterol existentes e suas principais características.

HDL (Colesterol bom)

O colesterol bom, além de compor a membrana das células, tornando-as mais fluídas e facilitando a entrada de nutrientes e a saída de escretos, ainda nos protege do colesterol ruim. Assim, o HDL age retirando o LDL das artérias e levando-o até o fígado, onde será quebrado e excretado, desentupindo os vasos.

Os níveis adequados de colesterol HDL devem ser superiores a 40 mg/dL de sangue.

LDL (Colesterol ruim)

O LDL, por sua vez, faz o contrário do HDL, podendo quando em excesso se acumular nas artérias. Sobretudo, com o tempo o excesso e acúmulo é fator de risco para doenças cardíacas como infartos, insuficiência arterial e AVC.

Reforçamos sempre que a maioria das doenças cardíacas permanece assintomática por muito tempo. Todavia, quando surgem os primeiros sinais, estes já podem ser bastante graves e até fatais. Isso justifica a importância de um acompanhamento e controle periódico dos níveis de saúde.

Os níveis do LDL em indivíduos saudáveis deverão estar abaixo dos 130 mg/dL sangue. Em seguida, para os que apresentam algum quadro de risco os níveis não deverão ultrapassar os 70 mg/dL.

Causas e Prevenção

Sabe-se que a alimentação tem uma grande parcela de responsabilidade sobre os níveis de colesterol no corpo. Por outro lado, você sabia somente 30% do colesterol provém dos alimentos, sendo os outros 70% produzidos pelo próprio organismo?

Resumidamente, não somente a alimentação tem sua parcela de culpa, mas também os fatores genéticos e histórico familiar, estilo de vida e a prática de atividades físicas.

Tentar zerar totalmente os níveis de colesterol ruim é ruim grande erro, além de ser praticamente impossível. O grande segredo está no equilíbrio. Ainda assim, conhecer os principais fatores de risco podem ajudar na prevenção:

  • Sexo e idade;
  • História familiar;
  • Obesidade;
  • Sedentarismo;
  • Tabagismo;
  • Diabetes;
  • Alimentação;

Então, se você é um indivíduo magro, mas tem na sua carga genética antecedentes, procure dosar o seu colesterol, porque você pode ser portador de um excesso de LDL. Atualmente, nós recomendamos para adultos e adolescentes acima de dez anos dosar periodicamente os níveis de colesterol no sangue.

O tratamento se baseia em mudanças no estilo de vida, com atividades físicas regulares e uma dieta bem balanceada. Assim, quando necessário o uso de medicamentos as estatinas são indicadas, e devem ser tomadas de maneira adequada e uso permanente. Essas medidas certamente alteram a sobrevida do paciente.

Confira o vídeo do Minuto Saúde, com a Dra. Samira Kaissar N. Ghorayeb:

Segundo a Dra. a medicina preventiva é o melhor medicamento. Então, não deixe de dosar o seu colesterol, índice glicêmico e auferir a pressão arterial periodicamente. Deste modo, você mantém a saúde em dia e, ao menor sinal de anormalidade, aumenta significativamente as chances de cura e a qualidade de vida.

Se você gostou deste conteúdo, não deixe de se inscrever para receber gratuitamente por e-mail mais conteúdos exclusivos com dicas práticas para cuidar da sua saúde.   


This Post Has One Comment

Deixe uma resposta

Close Menu