AVC: como prevenir e evitar este mal?

avc, AVC: como prevenir e evitar este mal?, Abreu Cardiologia

O acidente vascular cerebral é uma das principais causas de incapacidade grave e morte. A cada ano, quase 100.000 brasileiros morrem vítimas de AVC, sendo esta a segunda principal causa de óbitos no país. 

Há muitas razões para motivar-se a prevenir o derrame, incluindo o desejo de permanecer saudável para você e sua família. Conheça os principais fatos sobre o derrame e aprenda mais três razões para se motivar a impedir que o ele aconteça com você ou com um ente querido.

1. A maioria dos AVCs é evitável

O AVC não precisa acontecer – até 80% deles podem ser evitados. 

A maioria dos acidentes vasculares cerebrais é isquêmica. Acidentes isquêmicos ocorrem quando o de sangue para o cérebro é bloqueado, geralmente por um coágulo ou placa sanguínea. É possível diminuir o risco de sofrer um AVC fazendo escolhas saudáveis ​​de estilo de vida e gerenciando condições de saúde que levam ao derrame, como pressão alta e colesterol.

Para evitar um derrame, concentre-se em melhorar essas quatro áreas:

  • Mantenha-se fisicamente ativo. Apenas 1 em cada 5 adultos praticam exercícios físicos regularmente. A atividade física fortalece o coração e os vasos sanguíneos, mantendo-os elásticos e saudáveis. A recomendação dos especialistas é fazer 2 horas e 30 minutos de exercícios aeróbicos de intensidade moderada, como andar de bicicleta ou caminhar, a cada semana. Isso significa apenas 30 minutos por dia, cinco dias por semana.
  • Escolha alimentos saudáveis. Limite a ingestão de sal (sódio) e alimentos ricos em gorduras saturadas. O sal aumenta a pressão sanguínea e as gorduras saturadas têm sido associadas ao colesterol alto. Ademais, hipertensão e colesterol alto são dois dos principais riscos de AVC. Experimente temperar suas refeições com limão, ervas e temperos, em vez de sal. Certifique-se de comer muitas frutas e vegetais frescos todos os dias; eles têm fibras, o que pode ajudar a diminuir o colesterol.
  • Não fume. Não fumar é importante para sua saúde. O tabagismo é a principal causa de morte evitável do mundo. Fumar pode causar derrame, bem como outras condições que podem prejudicar seu coração e cérebro, incluindo doenças cardíacas, diabetes e câncer. 
  • Tome medicamentos, se necessário. Cerca de 1 em cada 4 adultos, com 65 anos ou mais, não toma o medicamento para pressão arterial conforme as instruções. Trabalhe com sua equipe de saúde para gerenciar pressão alta e colesterol alto, respeite a dose e os horários da medicação e visite o seu cardiologista regularmente.

Os medicamentos podem ajudar a reduzir o risco de derrame quando você os toma conforme as instruções. Assim, se você tiver problemas para lembrar de tomar seus remédios, converse com sua equipe médica sobre ferramentas que podem ajudar.

2. O AVC é uma das principais causas de incapacidade

O acidente vascular cerebral danifica o cérebro, portanto, a incapacidade causada pelo acidente vascular cerebral pode incluir problemas para pensar, falar, andar e se mover. Durante um acidente vascular cerebral, cada minuto é importante. Chegar ao hospital rapidamente pode ajudar a prevenir sequelas permanentes e a morte por acidente vascular cerebral.

3. Seu risco de derrame pode ser maior que outros.

O AVC pode ocorrer a qualquer momento para qualquer pessoa, mas seu risco de AVC pode ser maior se você:

  • É uma mulher Embora possam acontecer com homens e mulheres, os derrames são mais comuns em mulheres, principalmente após a menopausa. Estudos revelam que mais de 20 mil mulheres morrem por dia em decorrência das doenças cardiovasculares. Esses números já ultrapassam as estatísticas do câncer de mama e de útero.
  • Tenha um histórico familiar de derrame. Seus genes desempenham um papel importante no seu risco de derrame. No entanto, o histórico familiar não é o único responsável por um AVC. Se você também tiver hábitos ou condições prejudiciais à saúde, como tabagismo, obesidade ou pressão alta, com ou sem antecedentes familiares, os riscos de sofrer um derrame é muitas vezes maior.

Como a Abreu Cardiologia pode ajudar a prevenir AVCs

A Abreu Cardiologia conta com uma equipe altamente capacitada e pronta para atender com empenho e humanidade a quem precisa. No coração de São Paulo, a clínica de cardiologia há 30 anos se empenha no tratamento e prevenção das doenças do coração.

Acreditamos que a prevenção é sempre o melhor caminho. É por isso que, além do blog e das redes sociais cheios de informação, oferecemos todos os exames que você precisa para manter a saúde do seu coração em dia.

This Post Has One Comment

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Close Menu