Estresse: como driblar um dos maiores inimigos do coração

estresse, Estresse: como driblar um dos maiores inimigos do coração, Abreu Cardiologia, Abreu Cardiologia
Fonte: Freepik

Não é preciso grandes explicações científicas para saber o quanto o estresse pode ser maléfico. Mas, você sabia que ele pode ser extremamente prejudicial a saúde do coração? Saiba mas sobre isso e como evitá-lo no decorrer deste artigo.

Segundo os especialistas, episódios isolados de estresse são completamente normais e, de um modo geral, não causam nenhum mal adicional à saúde. No entanto, quando o estresse passa a ser constante e faz parte da rotina, ele pode adoecer todo o organismo, incluindo o nosso coração.

Este é o chamado estresse crônico, que faz com que o indivíduo permaneça continuamente estressado. “Isso faz com que haja uma constante liberação de hormônios que trazem vasoconstrição (diminuição do calibre dos vasos sanguíneos); as artérias vão diminuindo o seu potencial de adaptação e, com isso, surge aumento da pressão arterial e elevação dos batimentos cardíacos”. (Fonte: UOL)

Caso o indivíduo já seja portador de doença cardiovascular, isso pode ser extremamente perigoso, configurando um importante fator de risco para o chamado Acidente Vascular Cerebral. Por outro lado, pessoas saudáveis também podem desenvolver problemas de saúde fruto do estresse crônico.

Também por isso, é fundamental pensar em formas de driblar o estresse do dia a dia. Isso não significa fugir do trânsito, abandonar o emprego ou fingir que as dívidas não existem. O segredo está em traçar estratégias para compreender que até mesmo os piores problemas são passageiros e não podem ser maiores do que a sua saúde.

Como driblar o estresse e viver melhor

Estar constantemente estressado é péssimo para a saúde física e mental. Na maioria das vezes não é possível fugir das situações estressantes, no entanto, você ainda pode encontrar formas de se manter calmo e preservar a sua saúde. Confira a seguir:

Respire

Na próxima vez em que você se deparar com uma situação estressante, pare o que está fazendo por um minuto e execute as seguintes etapas:

  • Inspire e expire cinco vezes profundamente (sua barriga deve avançar a cada inspiração).
  • Imagine todo esse estresse deixando seu corpo a cada expiração.
  • Sorria mesmo que este não seja sincero. É muito difícil ficar mal-humorado com um sorriso no rosto.

Sinta-se à vontade para repetir as etapas acima a cada poucas horas no trabalho ou em casa, se necessário.

Relaxe

Após a sessão de respiração, faça uma rápida varredura corporal para identificar as áreas que estão tensas ou tensas. Maxilar cerrado? Ombros curvados? Mais alguma coisa que não esteja à vontade?

Toque delicadamente ou massageie qualquer parte do corpo que esteja sob tensão para incentivar o relaxamento total. Imaginar que você está em um lugar que o acalma, como uma praia, banheira de hidromassagem ou trilha natural, por exemplo, pode também ajudar a relaxar e mandar o estresse embora.

Mastigue conscientemente

Você também costuma apelar para a comida quando está estressado? Experimente mastigar de maneira mais lenta e consciente a próxima vez que isso acontecer.

Preste atenção ao sabor, textura e aroma de cada prato. Mastigue devagar enquanto tenta adivinhar todos os ingredientes que foram usados ​​para preparar seu prato. Isso também reduzirá os terríveis desejos noturnos que surgem após um dia ruim.

Olhe para o todo

Na próxima vez em que o seu nível de estresse aumentar, respire fundo e pergunte a si mesmo, isso importa para mim…

  • Semana que vem?
  • Próximo mês?
  • Próximo ano?
  • Em 10 anos?

Aposto que a maioria das coisas que estressam você não importaria na próxima semana, talvez nem no dia seguinte.

Pare de sofrer por coisas que você não pode controlar, porque você está se machucando e prejudicando a sua saúde.

Pratique todos os dias

“Tenha paciência. Todas as coisas são difíceis antes que se tornem fáceis. ”- Saadi

Aqui estão algumas maneiras fáceis de praticar a paciência todos os dias, aumentando sua capacidade de permanecer calmo e calmo em momentos de estresse:

  • Tente encontrar um lado bom em tudo o que te acontecer. Aos poucos isso te tornará uma pessoa mais otimista e menos suscetível ao estresse.
  • Procure manter pelo menos 20 minutos de contato com a natureza diariamente.
  • Mantenha-se em contato consigo mesmo todos os dias. Deixe de lado o celular, a televisão, o trabalho e relaxe.
  • Em vez de focar nos erros, pense em como você pode melhorar a si mesmo nas próximas vezes em que algo ruim acontecer.
  • A próxima vez que alguém te tirar do sério ou não for gentil, entenda que o erro está nela, e não em você.

Conclusão

Manter a calma em situações estressantes é possível, tudo que você precisa é de alguma prática diária.

Respirar fundo e comer com atenção são algumas maneiras simples de treinar seu cérebro para ser mais paciente. Contudo, mudar a maneira como você pensa em uma situação e permanecer positivo é mais importante para se manter calmo sempre que você se sentir sobrecarregado e estressado.

Por fim, lembre-se que quando você cobra demais de si mesmo, sua saúde (tanto física quanto mental) é quem mais sofre. Seja gentil e entenda que todo mundo tem dias ruins, mas que a tempestade sempre acaba no fim das contas.

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.